Novidades

As piores senhas de 2015: de ‘123456’ a ‘starwars’



18-senhas-300A empresa SplashData, especializada em soluções para gerenciamento de senhas, analisou dois milhões de cadastros que vazaram em 2015 para encontrar as 25 senhas mais usadas e que são, por isso, provavelmente muito inseguras, já que hackers tendem a tentar primeiro senhas comuns quando buscam quebrar senhas com tentativa e erro.

As senhas em geral fazem uso de sequências no teclado, como 123456 e 1qaz2wsx. A lista também inclui algumas palavras em inglês, como letmein (“deixe-me entrar”), monkey (“macaco”) e welcome (“bem-vindo”), o que tem relação com a origem dos dados vazados.

Confira a lista
1) 123456
2) password
3) 12345678
4) qwerty
5) 12345
6) 123456789
7) football
8) 1234
9) 1234567
10) baseball
11) welcome
12) 1234567890
13) abc123
14) 111111
15) 1qaz2wsx
16) dragon
17) master
18) monkey
19) letmein
20) login
21) princess
22) qwertyuiop
23) solo
24) passw0rd
25) starwars

Recomendações
A SplashData, sendo fornecedora de uma solução para gerenciamento de senhas, sugeriu o uso de um serviço dessa categoria para que fique mais fácil usar senhas diferentes, mais longas e únicas em cada serviço, diminuindo o risco no caso de vazamentos.

Embora uso de senhas únicas e longas seja positivo, o uso desses serviços de gerenciamento de senhas pode deixar o internauta aberto a ataques. O LastPass, um dos mais populares, foi hackeado em 2011 e, na semana passada, pesquisadores demonstraram vulnerabilidades no LastPass e no programa de gerenciamento de senhas da fabricante de antivírus Trend Micro.

Usar senhas com segurança depende de bom senso. Às vezes, pode até ser útil utilizar uma senha fraca ou usar a mesma senha em diversos serviços com menos importância, como um fórum de internet no qual você não pretende participar, mas que não pode ser lido sem um cadastro. É importante reservar senhas fortes e únicas para serviços importantes, como bancos e e-mail, já que o endereço eletrônico é praticamente sua “identidade” na web e perdê-lo é um grande transtorno.

Não é errado anotar senhas em papel ou até em um arquivo no computador, desde que esse arquivo e/ou o papel sejam guardados com cuidado. Um vírus não terá como saber se suas senhas estão naquele arquivo e, além disso, um vírus já consegue capturar senhas no momento em que são usadas.

No entanto, se você acredita que alguém próximo de você possa ter interesse nas suas senhas e há risco dessa pessoa ter acesso ao papel ou ao arquivo, essa solução também pode não ser a ideal. Em todo caso, o ideal é que as senhas mais importantes fiquem só na sua memória.

Foto: Divulgação

Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/blog/seguranca-digital/post/de-123456-starwars-25-piores-senhas-de-2015.html